Para quem quer poupar combustivel !


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Eletrólise Eletrostática

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 Eletrólise Eletrostática em Qua 11 Jan 2012, 18:17

Talvez sem utilidade prática, mas sendo um aparelho muito pesquisado pelas mais diversas razões, vou por minha última invenção teórica sobre eletrólise, a eletrolise eletrostática.

Esse invento é baseado no gerador elétrico de Lord Kevin, que aparentemente extrai energia do nada, não tem nada haver, mais me inspirei nele.

A idéia é gerar uma alta voltagem que agrupa os íons juntos de eletrodos opostos e isolados, portanto, até aqui mais parece um capacitor que um célula eletrolítica. Não consome corrente, só carrega a célula eletrolítica de energia, tal qual um capacitor. Junto desses eletrodos, outros eletrodos, literalmente mergulhados num mar de íons opostos, um de cada lado, perto do eletrodo de alta-voltagem, esses dois outros eletrodos iram curto-circuitar os íons opostos gerado o HHO.
Veja m a figura explicativa:



Como eu não acredito no sistema de patentes e sei que se eu pensei alguém mais vai pensar e patentear, então publico em meio publico, que irá invalidar qualquer patente sobre eletrólise eletrostática que venha a ser depositada após essa data.

Aproveitem mais esse engodo!

Ver perfil do usuário

2 Re: Eletrólise Eletrostática em Qua 11 Jan 2012, 22:00

Desenvolvendo mais um pouco a idéia e adaptando a estrutura da célula seca (Dry Cell) vai mais um desenho de uma célula eletrolítica eletrostática:



Eu uso a alta-voltagem para organizar os íons no eletrólito. Colocando a placa neutra entre os dois eletrodos, a organização dos íons fazem que o neutro separe um grupo de íons positivos em um lado e os negativos no outro lado. Existindo encostado numa face do neutro somente íons de um tipo e tendo contato elétrico direto, produzido pela placa neutra, com os íons opostos na outra face, os íons iram se descarregar no neutro, já que as placas energizadas estão isoladas e sem condições de descarga dos íons.

Se isso funcionar isso seria um capacitor que dissolve o dielétrico pela eletrólise. Isso cria uma situação possivelmente impossível, pois isso seria um capacitor que diminuiria sua capacitância e devolveria a energia consumida na eletrólise de volta a bateria de 10.000V, recarregando-a, ou eletrólise sem gasto de energia no final.

Enfim, a idéia está lançada, mas tem de ser desenvolvida melhor.

Ver perfil do usuário

3 Re: Eletrólise Eletrostática em Qua 23 Maio 2012, 00:10

Tecnicamente você só arrumou um nome diferente para a mesma célula que todo mundo já faz, com a diferença que a sua é muito mais difícil de fazer pois usa mil volts, difícil de obter de uma bateria (para obter 1000V x 0,05A, vai precisar de 12V x4A, mas esta corrente não vai produzir mais do que os 4 amperes com o sistema convencional, sendo a única possível vantagem a utilização de pouco ou nenhum eletrólito. Já o eletrodo extra que liga a água na água não esta curto-circuitando nada se a água estiver pura. Se não estiver, a corrente se dará entre os eletrodos que estão ligados à fonte de 1000V. Resumindo, não faz nenhum snetido dizer que isto é uma invenção, é chover no molhado.

Ver perfil do usuário

4 Re: Eletrólise Eletrostática em Qua 23 Maio 2012, 00:42

marcelo.eletrotecnico escreveu:Tecnicamente você só arrumou um nome diferente para a mesma célula que todo mundo já faz, com a diferença que a sua é muito mais difícil de fazer pois usa mil volts, difícil de obter de uma bateria (para obter 1000V x 0,05A, vai precisar de 12V x4A, mas esta corrente não vai produzir mais do que os 4 amperes com o sistema convencional, sendo a única possível vantagem a utilização de pouco ou nenhum eletrólito. Já o eletrodo extra que liga a água na água não esta curto-circuitando nada se a água estiver pura. Se não estiver, a corrente se dará entre os eletrodos que estão ligados à fonte de 1000V. Resumindo, não faz nenhum snetido dizer que isto é uma invenção, é chover no molhado.

Será que alguém tentou reproduzir? Comentários, só você.

Provavelmente você tem toda razão, mas como as pessoas são tão fácilmente iludidas pela não menos possível eletrólise ressoante, lancei a eletrólise eletrostática. Ainda vou lançar a eletrólise dançante, onde se usa a música certa para máximizar a eletrólise. A eletrólise magnética já existe e já está até patenteada.

Bom ver que tu está atento. Deixei em outro tópico várias coisas do Meyer, já foi lá?

Ver perfil do usuário

5 Re: Eletrólise Eletrostática em Qua 23 Maio 2012, 00:45

ET-e-HHO-existe escreveu:Talvez sem utilidade prática, mas sendo um aparelho muito pesquisado pelas mais diversas razões, vou por minha última invenção teórica sobre eletrólise, a eletrolise eletrostática
....
Aproveitem mais esse engodo!

Volte a essa mensagem e repare no comentário final

Ver perfil do usuário

6 Re: Eletrólise Eletrostática em Qua 23 Maio 2012, 01:01

marcelo.eletrotecnico escreveu:...a corrente se dará entre os eletrodos que estão ligados à fonte de 1000V. ...

Não que isso mude alguma coisa, mas talvez eu não tenha deixado claro que os eletrodos de alta-tensão são isolados para não permitir a passagem de corrente para a água.

No caso, a água seria pura mesmo.

Ver perfil do usuário

7 Re: Eletrólise Eletrostática em Qua 23 Maio 2012, 03:16

hahahaha, essa foi forte, eu respondi a esta bobagem só porque nem me dei conta que você que tinha escrito. Muito bom ! hahahahahahahahahah ! Pegadinha muito legal !!!

Mas ainda não prova nada a respeito do gerador ressonante, se ele existe ou não.

Ver perfil do usuário

8 Re: Eletrólise Eletrostática em Qua 23 Maio 2012, 03:21

ET-e-HHO-existe escreveu:
marcelo.eletrotecnico escreveu:...a corrente se dará entre os eletrodos que estão ligados à fonte de 1000V. ...

Não que isso mude alguma coisa, mas talvez eu não tenha deixado claro que os eletrodos de alta-tensão são isolados para não permitir a passagem de corrente para a água.

No caso, a água seria pura mesmo.

Bom, com a água pura, retornamos à questão do gerador ressonante, mas neste caso só haverá um pequeno movimento das moléculas no momento da conexão com a bateria, e nenhum efeito será percebido. Para isso fazer alguma coisa, a oscilação é imprescindível. Os eletrodos adicionais que colocou entretanto não servirão para nada.

Ver perfil do usuário

9 Re: Eletrólise Eletrostática em Qua 23 Maio 2012, 04:22

marcelo.eletrotecnico escreveu:hahahaha, essa foi forte, eu respondi a esta bobagem só porque nem me dei conta que você que tinha escrito. Muito bom ! hahahahahahahahahah ! Pegadinha muito legal !!!

Mas ainda não prova nada a respeito do gerador ressonante, se ele existe ou não.

Mais faz pensar....será?

Ver perfil do usuário

10 Re: Eletrólise Eletrostática em Qua 23 Maio 2012, 04:32

Marcelo, o Meyer teve mais tempo que eu e algum incentivo $$$$, por isso ele tem muitos desenhos e patentes desse projeto, mas eu já fiz dois dezenhos, mesmo sem incentivo $$$$

Se funciona? Pro Meyer funcionou, manteve o leitiho das crianças por muito tempo, até a paciência do pessoal acabar.

Se quizer ver umas fotos reais do que está desrito na patente que tu postou no outro tópico, tem lá no ZIP que eu indiquei por lá também (tópico sobre eletrólise ressonante, para quem não entendeu onde está)

Ver perfil do usuário

11 Re: Eletrólise Eletrostática em Qua 23 Maio 2012, 18:10

ET-e-HHO-existe escreveu:Talvez sem utilidade prática, mas sendo um aparelho muito pesquisado pelas mais diversas razões, vou por minha última invenção teórica sobre eletrólise, a eletrolise eletrostática.

Esse invento é baseado no gerador elétrico de Lord Kevin, que aparentemente extrai energia do nada, não tem nada haver, mais me inspirei nele.

A idéia é gerar uma alta voltagem que agrupa os íons juntos de eletrodos opostos e isolados, portanto, até aqui mais parece um capacitor que um célula eletrolítica. Não consome corrente, só carrega a célula eletrolítica de energia, tal qual um capacitor. Junto desses eletrodos, outros eletrodos, literalmente mergulhados num mar de íons opostos, um de cada lado, perto do eletrodo de alta-voltagem, esses dois outros eletrodos iram curto-circuitar os íons opostos gerado o HHO.
Veja m a figura explicativa:



Como eu não acredito no sistema de patentes e sei que se eu pensei alguém mais vai pensar e patentear, então publico em meio publico, que irá invalidar qualquer patente sobre eletrólise eletrostática que venha a ser depositada após essa data.

Aproveitem mais esse engodo!

Amigo, apesar de meu pseudonimo ser oposto ao seu.
Me diga, você já fez esse tipo de reator?
Sei que postou que é uma invenção teórica, mas para um bom inventor é claro que deve ter feito um protótipo do invento, caso afirmativo, te pergunto deu certo?

Ver perfil do usuário

12 Re: Eletrólise Eletrostática em Qui 24 Maio 2012, 00:09

ET's NON ECZISTE! escreveu:Amigo, apesar de meu pseudonimo ser oposto ao seu.
Me diga, você já fez esse tipo de reator?
Sei que postou que é uma invenção teórica, mas para um bom inventor é claro que deve ter feito um protótipo do invento, caso afirmativo, te pergunto deu certo?

Cara ri muito do seu pseudônimo e estou pensando se tu não é um colega lá do outro fórum, um que detesta quando uso esse termo “non ecziste”.

Existe uma eletrólise estranha, a eletrólise ressonante, que apesar do nome impressionante não parece existir, afinal, ela permite um monte de abordagens, todas muito diferentes, e que só tem em comum eletrodos, uma ressonância qualquer e água. Só que ganhou tanta notoriedade que normalmente as pessoas a tomam por verdadeira e tentam replica-la. Eu mesmo me reservo ao direito de ficar em cima do muro e não dizer feio ou bonito.

Por causa dessa intrigante eletrólise, inspirado também no gerador elétrico de Lord Kevin, em uma experiência de um conhecido, eu pensei na eletrólise eletrostática. Ela serve para que você pense se deve acreditar de pronto na eletrólise ressonante, ou se deve olhar com certa desconfiança como provavelmente olhe para eletrólise eletrostática. Também é uma tentativa de ver que efeito teria a atração forte de um campo elétrico como auxiliar de uma eletrólise normal.

A ideia irreal, parecida com a eletrólise ressonante, é que isso não gastaria energia, ou gastaria menos energia que a energia química que ficou no gás hidrogênio gerado.

A ideia real, se isso não for uma grande fiasco, é que os eletrodos de alta-tensão, que são isolados para não permitir condução elétrica para a água, atraia os íons da água pura para que não se recombinem voltando ao estado inicial de molécula d’água, tornando a auto-ionização da água nada despresivel. Se isso ocorrer, mesmo sem adicionar um eletrólito na água ela se tornaria condutiva, talvez até como uma bateria carregada, com um monte de íons (+) de um lado e outro monte de íons (-) de outro. Se tal cenário acontecer, então um condutor mergulhado na coluna de íons (-) pegaria eletrons para levar ao outro lado da água a onde está a coluna de íons (+). Se isso ocorrer espontaneamente, eu tenho uma eletrólise da água no fio condutor dentro da água e não nos eletrodos de alta voltagem. Isso vai parecer que a eletrólise não gastou energia, mas é um engano. Se tal reação espontânea não ocorrer, eu ainda posso aplicar uma segunda tensão externa, de 2V, e fazer uma eletrólise sem eletrólito, em água pura, mas com boa produtividade, onde a alta tensão substituiu o eletrólito adicionado a água.

Não fiz nenhum experimento prático, só exercício teórico.

Vou colocar o vídeo do experimento prático mais próximo que achei disso, de um colega de outro fórum:http://www.youtube.com/watch?v=2xzJ9Yx7X_I&list

Aqui o gerador eletrostático de Lord Kevin, que parece gerar energia elétrica do nada:
http://www.ifi.unicamp.br/~lunazzi/F530_F590_F690_F809_F895/F809/F809_sem2_2002/970362_CarlosRodrigues_Gerador.pdf

Claro que vou experimentar pessoalmente para ver até onde vai essa ideia, não agora, estou sem tempo para experiências práticas.

Ver perfil do usuário

13 Re: Eletrólise Eletrostática em Qui 24 Maio 2012, 03:44

Lembrei de um detalhe interessante que pode ser útil: a vibração mecânica simples não produz a quebra da molécula (aparentemente não) pois os umidificadores ultrassônicos usam esta técnica, vibrando as moléculas de água sobre uma pastilha de cristal, numa frequencia da ordem de 2Mhz (mega-hertz) que produz uma fina névoa, que deve ser de água mesmo, senão já teria posto fogo na casa de alguém.

Ver perfil do usuário

14 Re: Eletrólise Eletrostática em Qui 24 Maio 2012, 15:02

Outro detalhe útil, a sonólise também existe, atualmente usada até para redução de gordura no corpo humano (péssima ideia por sinal). Se usa o som de tal forma que provoca cavitação, esse fenômeno produz bolhas de vapor que crescem e implodem com muita violência, causadora de deterioração de turbinas em hidrelétricas e hélices em navios e barcos. Quando a cavitação ocorre na água, as forças envolvidas podem provocar a sonólise com a criação de gás hidrogênio e água oxigenada.

Ver perfil do usuário

15 Re: Eletrólise Eletrostática em Ter 29 Maio 2012, 00:19

ET-e-HHO-existe escreveu:Outro detalhe útil, a sonólise também existe, atualmente usada até para redução de gordura no corpo humano (péssima ideia por sinal). Se usa o som de tal forma que provoca cavitação, esse fenômeno produz bolhas de vapor que crescem e implodem com muita violência, causadora de deterioração de turbinas em hidrelétricas e hélices em navios e barcos. Quando a cavitação ocorre na água, as forças envolvidas podem provocar a sonólise com a criação de gás hidrogênio e água oxigenada.

Olha Et, eu obtive muita economia com minha técnica, que eu desenvolvi.
É conhecida como cavalo mãgnétio, o segredo é dar o giro no carro a favor do campo magnético da terra para inonizar as particulas da água.

Veja a técnica com funciona.

uma ocasião eu peguei meu sienna com a celula instalada, primeiro andei de marcha ré 3 metros dei um cavalinho de pau girando para a direita 3 vezes e andei para frente 3 metros e di um cavalinho de para para a esquerda, olha eu obtive uma bela ocasião, estudiosos do asunto me disseram que eus rodei o meu carro acompanhando o campo magnétido da terra e ao andar para traz estava indo para o polo norte e indo para a frente esta ativando minha célula com imã sinto sul.
Tem que acreditar e a coisa funciona rsrsrs.

Ver perfil do usuário

16 Re: Eletrólise Eletrostática em Sab 02 Jun 2012, 21:08


Olha Et, eu obtive muita economia com minha técnica, que eu desenvolvi.
É conhecida como cavalo mãgnétio, o segredo é dar o giro no carro a favor do campo magnético da terra para inonizar as particulas da água.

Cara, não tenho certeza, mas parece que o Jonas cheirou muito vapor de hidróxido de potássio. Esse negocio que ele falou não faz o menor sentido.

Alías, eu conheço um equipamento que funciona também, é o chamado GASMAX, que é um imã que é colocado no tubo de entrada de gasolina que organiza as moléculas de gasolina. O fabricante diz que funciona. No seu caso não seria então mais interessante colocar um grande imã de um lado da célula ? Assim pelo menos não precisaria ficar andando em círculos (pois o carro tem que servir para ir para algum lugar e andando da forma que falou, ou seria preso por direção perigosa ou ficarei rodando no mesmo lugar).

Ver perfil do usuário

17 Re: Eletrólise Eletrostática em Dom 03 Jun 2012, 15:32

marcelo.eletrotecnico escreveu:
Olha Et, eu obtive muita economia com minha técnica, que eu desenvolvi.
É conhecida como cavalo mãgnétio, o segredo é dar o giro no carro a favor do campo magnético da terra para inonizar as particulas da água.

Cara, não tenho certeza, mas parece que o Jonas cheirou muito vapor de hidróxido de potássio. Esse negocio que ele falou não faz o menor sentido.

Alías, eu conheço um equipamento que funciona também, é o chamado GASMAX, que é um imã que é colocado no tubo de entrada de gasolina que organiza as moléculas de gasolina. O fabricante diz que funciona. No seu caso não seria então mais interessante colocar um grande imã de um lado da célula ? Assim pelo menos não precisaria ficar andando em círculos (pois o carro tem que servir para ir para algum lugar e andando da forma que falou, ou seria preso por direção perigosa ou ficarei rodando no mesmo lugar).

Olá Caro Marcelo.
O HHO é acreditar, para poder funcionar, tem as suas manhas, depois que passei a fazer esta especie de ritual, a cisa funcionou.
Você sabe que a célula que quebra as particulas das água ao receber certa quantidade de corrente,ela passa a se comportar como um capacitor, criando um campo magnético em sua volta,se funcionou eu fazendo esse processo, eu passei a colocar varios imãs em volta déla para direcionar os ions, e não é que a coisa funcionou, esses imãs trabalha o campo magnético da célula,igualando ao campo mágnéitico da terra, o segredo é não contrariar a natureza, compreende meu caro amigo.

Ver perfil do usuário

18 Re: Eletrólise Eletrostática em Dom 03 Jun 2012, 16:54

Olá Caro Marcelo.
O HHO é acreditar, para poder funcionar, tem as suas manhas, depois que passei a fazer esta especie de ritual, a cisa funcionou.
Você sabe que a célula que quebra as particulas das água ao receber certa quantidade de corrente,ela passa a se comportar como um capacitor, criando um campo magnético em sua volta,se funcionou eu fazendo esse processo, eu passei a colocar varios imãs em volta déla para direcionar os ions, e não é que a coisa funcionou, esses imãs trabalha o campo magnético da célula,igualando ao campo mágnéitico da terra, o segredo é não contrariar a natureza, compreende meu caro amigo.[/quote]

O seu processo então deve estar funcionando tão bem quanto o GASMAX, veja este tópico:

"Essa dos imãs é brincadeira. Um amigo meu que faz engenharia levou essa questão pro grupo de estudo da faculdade e a conclusão que professores e alunos chegaram é de que o produto (GASMAX e similares) não funciona. As moléculas do combustível podem até se alinhar durante a passagem pelo imã mas, ao serem injetadas sob pressão na camara de combustão, longe da influência do imã, voltam a ficar desalinhadas. Se me lembro bem, publicações do naipe da Quadro Rodas analisaram esse tipo de produto e chegaram a mesma conclusão."

http://www.pequenasnotaveis.com.br/area-de-debate-7/militec-nas-pequenas-vale-pena-13210/

Ver perfil do usuário

19 Re: Eletrólise Eletrostática em Dom 03 Jun 2012, 18:30

marcelo.eletrotecnico escreveu:Olá Caro Marcelo.
O HHO é acreditar, para poder funcionar, tem as suas manhas, depois que passei a fazer esta especie de ritual, a cisa funcionou.
Você sabe que a célula que quebra as particulas das água ao receber certa quantidade de corrente,ela passa a se comportar como um capacitor, criando um campo magnético em sua volta,se funcionou eu fazendo esse processo, eu passei a colocar varios imãs em volta déla para direcionar os ions, e não é que a coisa funcionou, esses imãs trabalha o campo magnético da célula,igualando ao campo mágnéitico da terra, o segredo é não contrariar a natureza, compreende meu caro amigo.

O seu processo então deve estar funcionando tão bem quanto o GASMAX, veja este tópico:

"Essa dos imãs é brincadeira. Um amigo meu que faz engenharia levou essa questão pro grupo de estudo da faculdade e a conclusão que professores e alunos chegaram é de que o produto (GASMAX e similares) não funciona. As moléculas do combustível podem até se alinhar durante a passagem pelo imã mas, ao serem injetadas sob pressão na camara de combustão, longe da influência do imã, voltam a ficar desalinhadas. Se me lembro bem, publicações do naipe da Quadro Rodas analisaram esse tipo de produto e chegaram a mesma conclusão."

http://www.pequenasnotaveis.com.br/area-de-debate-7/militec-nas-pequenas-vale-pena-13210/
[/quote]

Obrigado pela sua preocupação em tentar explicar, mas eu falei tudo de uma forma sarcastica, desculpa as ironias.

Os crédulos no HHO vão ficar muito bravo comigo rsrsrs.

Quase que você acreditou né? è tanta baboseira que os chamados fabricantes de kits de HHO, dizem e que afirmam de pé junto que funciona.
Não tem um que saiu daqui deste fórum nervos e brabo?

Então, tem tantos que acreditam em histórias da carochinha, pra que então não contar mais uma, vai que cola não é verdade???

Ver perfil do usuário

20 Re: Eletrólise Eletrostática Hoje à(s) 04:53

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum